Header Ascenda

Chegou ASCENDA® da Nestlé®!

A Nestlé®, com mais de 150 anos de experiência em nutrição e ciência, lança ASCENDA®, suplemento nutricional infantil especialmente elaborado com nutrientes que contribuem para o crescimento ideal e desenvolvimento cerebral.1-40

Descubra ASCENDA®
Novo ASCENDA - Apoie o desenvolvimento do seu filho com nutrientes essenciais!

A Nestlé®, com mais de 150 anos de experiência em nutrição e ciência, lança ASCENDA®, suplemento nutricional infantil especialmente elaborado com nutrientes que contribuem para o crescimento ideal e desenvolvimento cerebral.1-40

Preocupado com a alimentação e o crescimento do seu filho?

Quando seu filho começa a ficar mais seletivo com o que come e acaba recusando diversos alimentos importantes, a grande preocupação é se ele irá crescer como deveria: se está ganhando peso e altura.

Mas, o que nem sempre fica tão evidente é que deficiências nutricionais, provocadas por uma má alimentação crônica, podem comprometer não somente o crescimento físico, mas afetar também o desenvolvimento cerebral e impactar a aprendizagem e a saúde no futuro.

Suplemento nutricional com nutrientes que contribuem para:

Crescimento Cérebro

Crescimento ideal & desenvolvimento cerebral1-40

  • Maior teor de Proteína da categoria*
  • 28 Vitaminas e Minerais
  • Alto teor de Cálcio e Vitamina D
  • Maior teor de DHA da categoria*
  • Alto teor de vitaminas C, B6 e B12, Ferro e Zinco
*Comparativo de composição e tabela nutricional de produtos da mesma categoria realizado em setembro/2021.

Ascenda é recomendado para crianças que têm:

Problemas de crescimento

Problemas de crescimento

Paladar seletivo

Paladar seletivo

Ingestão alimentar insuficiente

Ingestão alimentar insuficiente

Ganho de peso inadequado

Ganho de peso inadequado

Projetado para uma nutrição saudável

Sem adição de sacarose Sem adição de sacarose

Em linha com as diretrizes da OMS que orienta a redução da ingestão diária de açúcares (ex:sacarose).

Contém lactose Contém lactose

(naturalmente encontrado no leite): menor predisposição ao paladar doce.40

Você sabia que 90%
do desenvolvimento
cerebral
ocorre até
os 5 anos de vida? 41-43

Artigos

Saiba Mais
Como saber se o meu bebê come bem?

Como saber se o meu bebê come bem?

Saiba o que é a desnutrição infantil e como identificá-la. Veja se seu bebê come bem

3 mins para ler

Saiba Mais
Socorro, o meu filho não quer comer!

Socorro, o meu filho não quer comer!

Veja dicas de como tornar a hora da refeição mais tranquila

3 mins para ler

Saiba Mais
Disciplina positiva: o que é e quais são os benefícios para os pais e os bebês

Disciplina positiva: o que é e quais são os benefícios para os pais e os bebês

Conheça a disciplina positiva e seus benefícios na educação infantil

3 mins para ler

Saiba Mais
Conselhos para evitar as birras na hora da comida

Conselhos para evitar as birras na hora da comida

Seguindo estas dicas fáceis que preparamos você vai aprender o que deve, e não deve, fazer para prevenir birras e ataques de raiva na hora de comer.

2 mins para ler

Produtos

Ascenda sabor Baunilha

Produto

Ascenda sabor Baunilha

Saiba Mais
Ascenda sem sabor

Produto

Ascenda sem sabor

Saiba Mais

Receitas

Creme de Milho com Ascenda

Livro de Receitas com Ascenda

Veja nossas receitas feitas com Ascenda para crianças acima dos 3 anos!

Baixar

Referências Bibliográficas:

  1. Conforme composição e tabela nutricional do produto e comparativo de mercado realizado em set/2021.
  2. Crookston BT, Penny ME, Alder SC, et al. Children who recover from early stunting and children who are not stunted demonstrate similar levels of cognition. J Nutr. 2010;140(11):1996-2001.
  3. Sheng X, Tong M, Zhao D, et al. Randomized controlled trial to compare growth parameters and nutrient adequacy in children with picky eating behaviors who received nutritional counseling with or without an oral nutritional supplement. Nutr Metab Insights. 2014;7:NMI-S15097.
  4. Huynh DT, Estorninos E, Capeding RZ, Oliver JS, Low YL, Rosales FJ. Longitudinal growth and health outcomes in nutritionally at-risk children who received long-term nutritional intervention. J Hum Nutr Diet. 2015;28(6):623-35.
Ver todas

"O ministério da saúde informa: Após os 6 (seis) meses de idade, continue amamentando seu filho e ofereça novos alimentos."

"O ministério da saúde informa: O aleitamento materno evita infecções e alergias e é recomendado até os 2 (dois) anos de idade ou mais."

A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda a amamentação exclusiva até os seis (6) meses de idade. Nós da Nestlé, em consonância com a OMS, com a Sociedade Brasileira de Pediatria e Órgãos competentes, também apoiamos plenamente a amamentação exclusiva durante os seis (6) primeiros meses de vida sendo recomendado a extensão até os dois (2) anos de idade ou mais. Clique aqui para conhecer a Lei 11.265/2006, que dispõe sobre a comercialização de alimentos para lactentes e crianças de primeira infância e de produtos de puericultura correlatos, e acesse aqui a Política e os Procedimentos da Nestlé para implantação do Código Internacional de Comercialização de Substitutos do Leite Materno. Caso você observe alguma situação que possa contrariar a referida Lei, a Política ou os Procedimentos da Nestlé, solicitamos que nos informe por meio do link: https://www.nestle.com.br/anestle/gestaoempresarial/canal-de-conduta-etica.

NOTA IMPORTANTE:
Acreditamos que a amamentação é a melhor opção para a nutrição de lactentes, pois o leite materno fornece uma dieta balanceada e proteção contra doenças para o bebê, sendo superior quando comparado aos seus substitutos. Apoiamos totalmente a recomendação da Organização Mundial da Saúde de amamentação exclusiva até o 6º mês de vida, seguida pela introdução de alimentos complementares nutricionalmente adequados juntamente com a continuidade da amamentação até os 2 anos de idade ou mais. A gestante e a nutriz devem ter uma alimentação adequada durante a gestação e a amamentação, para apoiar uma gravidez saudável e preparar e manter a lactação. Também reconhecemos que o aleitamento materno nem sempre é uma opção viável para os pais, em especial devido a certas condições médicas. Recomendamos que converse com seu profissional de saúde sobre a alimentação do seu filho e busque orientações sobre quando iniciar a alimentação complementar ou introduzir novos alimentos a sua dieta. O uso desnecessário de mamadeiras, bicos e chupetas, bem como a introdução desnecessária ou inadequada de alimentos artificiais, podem prejudicar o aleitamento materno e a saúde do lactente, além de dificultar o retorno ao aleitamento ao seio. Lembre-se destes aspectos caso você opte por não amamentar, e esteja ciente de que o uso parcial de substitutos do leite materno reduzirá o fornecimento de leite materno. Você também deve estar ciente das implicações sociais e econômicas do uso de substitutos do leite materno. Fórmulas infantis e alimentos complementares devem ser sempre preparados, usados e armazenados de acordo com as instruções do rótulo, a fim de evitar riscos à saúde do bebê. Fórmulas infantis para necessidades dietoterápicas específicas devem ser utilizadas sob supervisão médica, após a consideração de todas as opções de alimentação, incluindo a amamentação. Seu uso continuado deve ser avaliado pelo profissional de saúde considerando o progresso do bebê. É importante que a família tenha uma alimentação equilibrada e que se respeitem os hábitos educativos e culturais para a realização de escolhas alimentares saudáveis.

Em conformidade com a Lei 11.265/06 e regulamentações subsequentes; e com o Código Internacional de Comercialização dos Substitutos do Leite Materno da OMS (Resolução WHA 34:22, maio de 1981).

Copyright © 2022 Nestlé. Todos os direitos reservados.